O novo clipe cinematográfico de Britney Spears: Criminal

Geralmente eu ignoro esses titles em clipes, mas esse ficou tão lindo que não dava pra não gostar.

Criminal era uma das faixas do Femme Fatale que eu sempre pulava. Lembra que eu disse lá atrás, no First Listen, que achava ela enjoativa demais, parecida com uma canção de bardo? Pois é. Por isso tudo, imaginem a minha “alegria” quando soube que, dentre tantas outras músicas boas (como Seal it with a Kiss, minha favorita do momento) esperando a vez, justo essa tinha sido escolhida para o novo single/videoclipe.

Mas, a gata sabe o que faz e só me restou aceitar e passar a ouvir Criminal toda vez que a faixa pintava no meu shuffle. E daí, não é que eu fui aprendendo a gostar da batida? Lógico que ainda acho o começo brega, mas agora até canto junto e bato um pezinho no ritmo da música, o que na minha linguagem corporal, é um sinal de que eu a aceitei, hehe.

O clipe explora um talento da Britney que ela adora e nós também: a atuação. Em Criminal ela é a donzela presa na sua condição social que se encontra no amor bandido e vai curtir a vida ao lado do bonitão mau caráter. E apesar de ser uma história de amor, a veia cômica da Britney está lá em vários momentos e isso é ótimo! Ela é consciente do riso que provoca e faz um belo uso disso.

Por um mundo onde todos os bad boys te levam café na cama!

Jason Trawick (vulgo namorado da estrela) se transforma nesse clipe. Se nas fotos dos papparazzi ele é sempre o “velho” de cabelo estranho ao lado dela, aqui ele se transforma e até ganha umas tatuagens fake para encarnar o amante bad boy sarado.

Acho que o clipe escorrega só um pouquinho nas cenas sensuais. Ok, já entendemos que eles se pegam loucamente, não precisava dar longos closes no chuveiro para confirmar isso. Ficou meio over e meio breguinha (o que até que combina com a música, hehe).

Britney se querendo como só ela sabe fazer.

Não tem coreografia, mas tem Britney se querendo no passador da porta e fazendo uma dancinha com as mãos que só ela sabe fazer. Outra marca registrada que está lá são os carões nos closes enquanto ela canta. Além disso, um jabá ou outro dos perfumes e de outras marcas para garantir o sustento das crianças.

Não é o melhor clipe da carreira da cantora como alguns fãs mais loucos já estão dizendo, mas é, sem dúvida, um clipe muito bonito (Londres, te desejo!) e que me deixou ainda mais aguçada na contagem regressiva para o show da loirinha aqui em São Paulo no dia 18 de Novembro. Será que com o lançamento do single ela arrisca incluir mais essa música na setlist? ♥

2 comments Write a comment

  1. Pingback: Por aí… #2 | Gostei… e agora?!

Deixe uma resposta

Required fields are marked *.