O novo clipe da P!nk: F**kin’ Perfect

O novo clipe da nossa já conhecida P!nk, entitulado “F**kin Perfect” está chamando atenção por tratar explicitamente de um tema atual: o bullying, ou seja, a prática de “um tipo de assédio interpretado por alguém que está, de alguma forma, em condições de exercer o seu poder sobre alguém ou sobre um grupo mais fraco” (Wikipedia).

Quem acompanha Glee sabe que o tema vem sido constantemente tratado lá em relação aos gays, mas a P!nk toca nessa música em uma outra questão, o que achei curioso ela fazer, já que, convenhamos, parece fazer muito mais sentido a P!nk falar sobre beleza interior do que a Katy Perry, como ela fez em Firework.

Sobre a música, posso dizer que eu prefiro muito mais essas baladinhas gostosas do que as músicas que ela tentou fazer no passado puxando mais para o pop chicletinho (embora tenha que admitir que Get the Party Started, por exemplo, seja o máximo!).

Já o clipe é chocante, mostra a realidade cruel que acompanha a vida de uma garota desde a infância. As coisas não são fáceis, especialmente para as mulheres, e todo mundo sabe que o inferno das comparações começa logo cedo. Há padrões de qualidade em todos os lugares: no colégio, no trabalho, nos garotos que começam a te notar, enfim, é de fato muita pressão.

Porém, nem tudo é tristeza. A música e o video trazem uma mensagem animadora de que você não precisa ser perfeita naquilo que o mundo quer que você seja. É possível encontrar a perfeição à sua maneira, fazendo algo que faça você se sentir realmente bem consigo mesma.

Em resumo, me agradou bastante. Me lembrou muito a mesma fórmula da era de ouro da P!nk com Don’t Let Me Get Me e o seu famoso trecho “Tired of being compared to damn Britney Spears / She’s so pretty, that just ain’ t me”.

5 comments Write a comment

  1. adoro a pink, fazia tempo q ñ escutava som dela, gostei dessa musica apesar d q existem outras q gosto mais, mas o clipe é otimo, vou procurar a tradução! bjsss

  2. A maioria das pessoas já sofreu bulliyng, é por incrivel que pareça não há como parar.
    é um ciclo vicioso :S

    emfim, não sou fã da pink, mais gosteei do clipe.
    beeijos

Deixe uma resposta

Required fields are marked *.